Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em Letras Pequeninas

Podem tirar a rapariga da farmácia, mas não podem tirar a farmácia da rapariga. Salvo seja…

Em Letras Pequeninas

Podem tirar a rapariga da farmácia, mas não podem tirar a farmácia da rapariga. Salvo seja…

03 de Junho, 2021

A Quadra

Inês Reis

1280px-Grilled_sardines.gif

Arrumámos os Santos em casa

Não há festas pra ninguém

A sardinha até pode ir à brasa

Já partilhar, não convém

 

Com medo do bicho Covid

Matou-se a alegria do povo

Proibiram-se as gastroenterites

E as lavagens ao estogo

 

Não se encontra uma jola a sete euros

Num copo plástico da Sumol

Nem perdemos duas horas

Pa estacionar no quintal

 

Não há visitas à farmácia

Daquelas do “dia seguinte”

Nem ninguém chama a polícia

Por brigas ond’um fica sem dente

 

Pera lá, que em calhando

A coisa até corre bem

E, com sorte, daqui a um ano

Não há Santos pra ninguém

 

Imagem: By Peter Grabowski - Own work, CC BY-SA 4.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=51270605

6 comentários

Comentar post